quarta-feira, 18 de março de 2015

Sequência Didática: Brinquedos e Brincadeiras Africanas

   A turma do Maternal I está trabalhando o tema: “Brinquedos e Brincadeiras Africanas” dentro do Projeto Institucional, sendo que um brinquedo de origem africana é o “Pé de Lata”.
   Após a apresentação do brinquedo as crianças através de gravuras, decidimos construí-los.



Observando as gravuras do brinquedo.





Construindo o brinquedo...


Com os Pés de latas construídos, agora é hora de brincar!










 



terça-feira, 10 de março de 2015

Adaptação do Berçário 2

    A adaptação é o tempo que as crianças e famílias precisam para se acostumarem com a nova rotina, as crianças que chegam a um ambiente novo, diferente e desconhecido e os pais que sofrem a ansiedade e o medo da reação da criança. 
   No CEI Castelo Branco as duas primeiras semanas foram dedicadas a este tema. Foram preparadas atividades que facilitassem esse processo, tais como: baile a fantasia, brincadeiras com água, visita nos diversos espaços da instituição e brincadeiras nos cantinhos preparados na área externa.



















terça-feira, 3 de março de 2015

Estimulação de Bebês: A importância dos Primeiro Tempos...

   As experiências iniciais da vida de um bebê com o mundo externo, percebido por seus sentidos – visão, audição, olfato, tato e paladar, determinam a estruturação de seu cérebro, capacitando-o a criar e modificar conexões e moldando assim a forma como aprenderão, pensarão e comportarão para o resto de suas vidas.... 
   Ao contrário do que muitos imaginam, a estimulação de bebês vai muito além de mordedores e chocalhos. É fundamental que, nos primeiros meses de vida, os bebês sejam estimulados com mecanismos de repetição, de imitação e da exploração sensorial. Isso se dá por meio de atividades que instigam a concentração, percepção e comunicação. Todas estas atividades servem para a estimulação do bebê... 














































    O bem estar dos bebês é fundamental para o seu desenvolvimento físico e mental, principalmente porque aproximadamente 50% do seu cérebro ocorrem nos seis primeiros meses de vida. E que 70 a 85% desse desenvolvimento acontece nos primeiros 12 meses. 
   A criança é sensível ao mundo em que vive e está predisposta a senti-lo, percebê-lo e organizá-lo buscando a construção das relações consigo mesma e com as demais pessoas. 

    “A criança é um casulo, apenas. E não há entomologista no universo que possa dizer, pelo aspecto exterior deste casulo, as cores do inseto que palpita lá dentro.” (Humberto Campos)